sábado, 18 de setembro de 2010

Compensação

Eu sei, estou sumida. É que entre a correria para arrecadar doações para o Projeto Ler para Crer, e o trabalho com as revisões que me foram confiadas (Amém!), pouco tem sobrado tempo para as produções literárias em si. Prometo tomar mais cuidado com isso, porque quando acontece de ver alguns contos publicados em uma revista, como a conceituada Germina Literatura, ah!, amacia o ego, sabe? Dá um consolo! Faz compensar um pouco as horas que gastei diante da tela de um computador digitando, escrevendo, podando, reconstruindo texto e linguagem, moldado um derriére quadrado - de tanto ficar sentada-, indo dormir pensando se a trajetória emprestada para a história ficou eloquente, se eu como autora consegui sumir pra que os personagens e a história aparecessem.. Claro: ainda modificaria coisinhas minúsculas nos textos publicados (nunca, NUNCA me peça para eu fazer "prova" dos meus próprios textos, ou difícil será eu parar de mexer neles). Mas, engraçado... Quando os reli, e recordei que já faz um tempinho que eles nasceram, a sensação que tive foi a de que eles já saíram do berço e começaram a caminhar de mãos dadas com outros leitores por aí. Não me cabe mais a missão de aprisionar textos autorais no berço da minha insegurança.

..
Fernanda L.

Um comentário:

Carmen Cordoba disse...

Prabéns!
Ei, eu tb quero!